18.7.07

meu julho que já virou setembro ou vide cartas.

minha vida sempre foi esperar o setembro, a primavera de setembro onde o espaço todo era flores e eu toda virava risos.
tudo se resolvia ali, e eu passava um ano inteiro não vendo o tempo passar na angustia da espera.
não me dava ao luxo de deixar as coisas acontecerem no resto do ano, não deixava a minha vida fluir e isso passou a ser um hábito quase que místico até que chegou o tempo em que q a minha vida não acontecia.

além de esperar setembro, minha vida foi renegar dezembro, costumava ter medo e pavor do final de ano.
como eu lembro de ter escrito em um post de dezembro passado: "minha vida se tornava um retrocesso incrível, é como se todas as minhas conquistas fossem guardadas no porão junto com as roupas de inverno". [acho que era isso]
e além de tudo isso tinha aquela coisa de que o ano estava acabando e eu tinha medo de perder tudo o que conquistei desde setembro em uma "meia noite qualquer".
já odiei dezembro.

lembro da época em que odiei agosto pelo simples fato de ele demorar a passar. mas foi pouco.

esse ano, onde eu prometi a mim que tudo seria intenso eu considerei a idéia de viver o ano todo em conjunto, deixar tudo fluir e estar aberta ao bom.
óbvio que existiram os dias em que, mais do que qualquer coisa, eu desejava o setembro. teve meses em que os dias não passava...terrivel.
mas eu logo lembrava do meu compromisso.

agora sobre julho, esse julho que todo o mundo tá odiando ultimamente...
perdoem-me todos renegados pelo inverno, e os corações quentes que só sobrevivem de verão. mas meu julho tá é ótimo!
tudo se encaminhando, e todo aquele choro de maio e junho passa a ser esquecido, e até valer a pena.
sim, valeu a pena passar pelo inferno de maio e junho pra poder ganhar meu julho.
MEU JULHO! que está lindo apesar do frio. [ou graças à ele].

se eu tô ansiosa por setembro?
claro que sim.
coisas boas, só coisas boas eu espero.

4 comentários:

Gáziii disse...

O que um homem, ops!, rato faz na vida das pessoa.hehehehe.
Amotetutatu.

Laine. disse...

nada tem a ver com homens ou ratos, abobada.
nada mesmo.

até tem, mas não muito, ou tudo.

ahh, esquece!

Suelen.... Suanisleusa.... disse...

o bom é que ela se contradiz...
acho isso um maximo...

eh..um gato...ops...rato...

"apesar do frio. [ou graças à ele]"
graças a ele tu nao anda dormindo desacompanhada...ou pelo menos um dia ou dois!

Adele Corners disse...

Ai.... não me meto nisso...

Mas julho tá um cú, tá sim! Até avião caiu!!