15.12.07

mais uma de amor...

na quarta-feira, depois do café das 16:00, eu e namorado fomos ver as alianças.
sim, alianças de compromisso!=)
depois de passar algum tempo apenas cogitando a idéia e babando na frente das vitrines, ou ainda: brincando no meio do boteco de trocar alianças com aquele anelzinho dos charutos, respiramos fundo e resolvemos entrar na tal joalheria.
na verdade já tínhamos ido lá há um mês atraz pra dar uma olhadinha, ver preços, mas ficou por aí.
ok.
entramos na joalheria, procuramos uma atendente que não fosse vesga [já que eu fico aguniada de conversar com uma pessoa que não olha pra mim, eu sei que a outra atendente tava olhando...mas não parecia!] e eu viro a cara, desfarço como sempre e o namorado dá a largada: -queríamos ver alianças!
beleza, nem foi tão difícil. a gnt queria ver alianças, pedimos por alianças.
mas eu sabia que não ia ser tão fácil...

atendente [que não era estrábica] se abaixou e largou no balcão uma caixinha com as alianças para provarmos. tudo bem, essa parte tb é fácil já que nós já sabíamos bem o que fazia nosso tipo.
provamos tamanhos, a do provador ficou boa para mim: firme, elegante com a pedrinha brilhosa e discreta em cima. exatamente como imaginava...minha mão nem ficou pesada como eu temia!
mas eu sabia que não ia ser tão fácil...[rá!]

namorado estava provando a dele...uma aliança igual a minha só que em tamanho maior e sem a pedrinha. para mim parecia estar boa.
mas eu sabia que não ia ser tão fácil...[ok, vcs pegaram ne?]

-olha, o tamanho tá bom no dedo e tudo...mas ela tá meio difícil de tirar...
!!!!!
QUE!? penso eu. mas tudo bem! sabe aquela minha cara de disfarçada que eu SEMPRE faço quando não quero comentar? pois é, eu usei!
a atendente, por sua vez, ainda que constrangida me deu uma olhadela e fez um comentário:
-mas não é pra tirar
bolinha de feno passando...silêncio...
-é que, nos finais de semana ele fica mexendo no carro, aí ele não quer sujar, amassar...
tudo bem...
mas virado para a prateleira, quietinho até então, o que eu julgo ser dono da joalheria ainda que fora da conversa largou um 'RÃ!!'. sim minha gente, um 'RÃ!!' como se prendesse uma risada que escapuliu.
ok, entre risadas e mais alguns comentários brincalhões que se sucederam até o fim das negociações, fomos embora dali com um sorriso maior que a boca.

mas eu sabia que não ia ser tão fácil...[não pude evitar]

dois dias depois voltamos para buscar as alianças no horário combinado, dessa vez com a cunhada como testemunha. contei pra ela o acontecido enquanto namorado pegava as alianças...agradecemos, nos dirigimos à saída quando o segurança, que não estava na história fez o comentário que me fez rir, ainda que com uma vergonhazinha:
-só cuida pra não perder a aliança quando for tirar hein?!

beleza, já chega de chacota...
parou né?
eu entendi ele...oras!
o rapaz só não quer correr o risco de perder a aliança enquanto tiver mexendo no carro, ou fazendo qualquer outra coisa como caçando leões na savana africana, escalando o pão-de-açucar, cavando minas, construindo um prédio...sei lá! qualquer coisa!...uia povo maldoso!
*

tudo bem, saímos dali...eu louca pra pôr a aliança, cunhada implorando por atenção, namorado sorrindo...fomos pra sorveteria e colocamos as alianças, duas vezes já que a esperta da cunhada não levou a câmera e tínhamos que tirar fotos com o celular dele e o dela!
=)
e quer saber? até que não foi difícil!
*

FIM!

3 comentários:

Thersus disse...

Eu sabia que no final não seria tão difícil!

Paulo disse...

Sempre parece mais difícil do que realmente é.
Mas dependendo do caso, pode ser bem mais difícil do que a gente quer acreditar.
Enfim, foda-se o segurança e o dono da joalheria, esse momento pertence a vocês dois, e mais ninguém!
Parabéns!
Beijos!

Andressa... Dessa... DeÇa... disse...

eu só digo que eu sou foda... eu tava lá no começo.. claro que pelas ironias da vida (eu só queria comprar meia-calça!) eu ia estar lá no dia das alianças também...

tem uma foto do revival que é fofa...