5.10.07

o meu destino é woodstock, mas eu chego.

quando muitas coisas acontecem, se torna impossíveldar a atenção que cada uma merece.
viver na medida, praticamente no limite do ser...mais uma gota de fúria é capaz de matar, a mim ou a pessoa que estiver mais próxima.
chega um ponto onde a gente não se aguenta. eu mesma tô com uma vontade louca de viver fora de mim.
não é por nada que e minha mente tá tão exausta quanto meu corpo.
não é por nada que eu quase esqueci o que significa a palavra "cheshire".

o invisível nos salta aos olhos em situações como esta, onde o extremos estão próximos...onde é possível tocar o céu e o inferno quase que instantaneamente. eu quase consigo ligar o passado e o presento por uma linha racional, que me permite julgar. e eu me permito fazer julgamentos, e eu me permito tomar o lugar que já me foi tomado uma ou outra vez. nem que seja apenas dentro de mim, nem que seja só pra eu me sentir viva denovo, nem que seja de mentira...

no meio de uma semana muito longa, e mais conturbada do que longa, posso dizer que tirei de proveito apenas duas conversas, primeiro com o bem [que fez eu me sentir segura estando com ele] e depois com a grazi [que me fez sentir segura estando comigo mesma]. trocas de olhares, desculpas sinceras, explicações necessárias, verdades redundantes, esclarecimentos, declarações e revelações foram pauta... eu sei que eu tenho o que eu preciso, sei que eu tenho o que amo, e amo o que tenho, mas isso não vai fazer eu deixar de sentir assim. pelo contrário! ainda fica o peso do meu sentimento de egoismo, que no fim das contas é o pior.

no mais eu sinto que as coisas tornaram-se mais essenciais do que estéticas agora.
um romance de 30 no meu cotidiano não é necessário.
necessário mesmo é o que se pode tocar, e mais: sentir.
eu sinto agora. e tudo o que eu sinto, sinto do fundo da alma.

o amor, a falta, o medo e o alívio...
quero o mais forte e o mais sincero.

[e quero o número da psicóliga da gaziii]


ouvindo: quando o carnaval chegar - chico buarque

3 comentários:

GAZIELA cravoecanela disse...

.amo.
.
o telefone te passo pessoalmente hehehe

Suani disse...

coração na mão.
e tu faz falta.

eu te amo.

Anônimo disse...

o meu destino é woodstock mas eu chego.
queria saber exatamente o sentido da frase acima.
53.53.53.53.53.