15.8.07

para saber como tenho passado 2.

tudo o que poderia estar me destruindo, meus medos e tristezas, minhas decepções, minha ira e minha angústia..aqueles sentimentos que até pouco tempo atrás eu não sabia dominar...tudo isso têm me feito cada vez mais forte.

deve ser mais ou menos como Freud [acho que era ele mesmo] dizia, algo como: "o medo pode servir como um trampolim para o sucesso!"
nesse caso não se trata apenas de medo...infelizmente. ou felizmente!
aprendi a não me deixar esmorecer pelas atitudes "dozotros". aprendi a me colocar acima de toda a dversidade daqueles que tentam impiedosamente e impensadamente destruir a minha vida e a das pessoas que eu amo.

até pouco tempo eu pensava que meus maiores problemas estavam diretamente relacionados à minha conduta para com os outros, em ser a pessoa mais agradável possível... me enganei e precisei quebrar a minha cara pra entender o que algumas pessoas tentava enfiar na minha cabeça!
meu problema sempre foi a maneira como eu me via, a importância que dava para mim mesma, para minhas vontades e meus ideais.

parte de uma carta que me foi entregue fez eu me ver por dentro, e ver como eu me sentia...um pedaço frágil de alguém que eu amo muito fica guardado comigo como prova de tudo o que temos em comum.

minha dor me fez maior...
eu não apenas acredito que isso é possível, mais do que isso, eu sei que a dor é a maneira mais fiel de se encontrar.


ouvindo zé ramalho- chão de giz.

5 comentários:

Adele Corners disse...

Finalmente um post novo!! Ê!!!!

E vê se me ensina alguma coisa, pq eu não aprendo nada, só bato a cabeça e volto pro lugar.

Bjs meu bêin!

jon disse...

o que tu me disse ontem foi, como sempre, muito importante. colocou meus pés no chão!
as vezes a gente tem que levar umas sacudidas pra ver que tudo que a gente precisa tá bem na nossa frente.

fico mto feliz por ti. pelo menos um de nós encontrou o caminho...

te amo

Gáziii disse...

Tapas. Lembra? Pois é, cotidiano. Tapas de todos os lados a todas as horas e? E é bom daveiz... dói, mas passa e levanta nosso ego nos tornando mais forte. Que graça teria a vida se tudo fosse rosas, tulipas e afins... Eu gosto de cáctus... e a vida é um cáctus pra mim... lindo mas com rugosidades... hehehehe
amo tu tatu! Mais que o Tchón! E mais divertido que o Tchón e de forma diferente do Tchón, mas eu gosto de te beijar tb... rssss

jon disse...

essa minha menina...
é adorada por todos!

ai ai

Grasi disse...

E tem como não adorar ela???
Até tu ja te rendeu... =DDD

Uma deusa, uma louca, uma feiticeira... ela é demais!!!

=PPP